terça-feira, 29 de maio de 2007

Mazelu - Fazendo Jus ao nome...

Caros mazelentos matutinos, rejubilem-se por não ser alvo de todas as Leis de Murphy como prega a doutrina mazela... Pois vosso autor acaba de sofrer uma tragédia:

Eu sei que o neurocídio é uma coisa complicada, sendo que sob certos métodos é prazeroso, porém prejudica sua saúde e relativamente sua vida social. Talvez devesse ter aprendido a lição ao acordar na cama com outra mulher e ter perdido minha ex-namorada (que hoje dou graças a Deus por isso ter acontecido), mas dessa vez estou lidando com uma coisa que vai me ferir bem mais do que triângulos amorosos, traições e roteiros de novelas mexicanas, estou falando do meu alicerce monetário, meu poder aquisitivo, minha esfera capitalista, tutu, dindin, renda, bufunfa, grana, etc...
Vocês não sabem como é frustrante entrar na locadora para devolver "O Ilusionista" (Edward Norton é um ator que respeito desde Clube da Luta, porém esse filme é uma bosta...) e o balconista perguntar "você não vai devolver o outro não?"...
Resumindo: Saí sexta-feira, fiquei bêbado e aluguei um filme na locadora do maldito posto de gasolina que fica aberta até 3:00 da manhã, para maior vexame tive que assistir a fita da câmera de vigilância e me ver comprando a porra de um Doritos (Eu nem gosto dessa merda), alugar A Grande Família (Imagine a falta de opção nas prateleiras...) assinar o maldito papel, oferecer o salgadinho para os malditos atendentes e sair da maldita locadora!!!
Agora como é de se esperar, me sinto uma espécie de Jack Bauer onde se passaram 3 temporadas de 24 horas e eu ainda não descobri onde está esse maldito DVD! Malditas locadoras abertas de madrugada! Esse tipo de estabelecimento deveria ter um sistema de ética... uma "ética etílica", qualquer local que ofereça um produto/serviço que possa vir a prejudicar o cliente que não esteja ciente do que está consumindo deveria possuir este sistema, eu poderia dormir bem mais tranquilo. O cara entraria num supermercado 24 Hs as 2:00 da manhã depois de tomar 2 Lts de Whisky, aí perguntaria pro funcionário no corredor: "Por favor! Eu preciso de uma faca, uma pá e alguns sacos de lixo bem grandes", aí o funcionário diria: "Desculpe amigo! Mas aqui nós seguimos a ética étilica e se você pretende matar alguém, volte quando estiver sóbrio porquê temos descontos no corredor 7 na seção de materiais de construção". O único problema é que estes estabelecimentos não iam lucrar tanto seguindo uma coisa tão utópica...
Agora não vejo outra solução a não ser comprar um novo... Que mazela!

3 comentários:

Carrasco_birita disse...

A auto-critica racional foi sensacional.. a critica aos estabelecimentos q querem ganhar dinheiro custe oq custar tbm.. a ironia posta na mensagem foi em otimo tom.. porem.. criticar a grande familia e o pobre doritos??? pqp marcello.. vai se fuder

mazeloJava disse...

E a campanha? Acha que dá pra vender camisas?

Carrasco_birita disse...

Acho q vende umas 50...